Bicibiblioteca estimula a leitura entre estudantes através do intercâmbio de livros

Tem início em 1º de agosto em São Paulo o projeto “Bicibiblioteca”: uma bicicleta adaptada e transformada em biblioteca itinerante que leva a alunos das escolas participantes um acervo de três mil livros para estimular a leitura das crianças de maneira lúdica.

Durante o mês de agosto, a “Bicibiblioteca” incentiva os alunos do 1º ao 5º ano a doarem um livro usado em troca de dois livros novos, aumentando a frequência de leitura dos estudantes. Simultaneamente, em outras três escolas, o mesmo processo acontece, duplicando o número de títulos da “Bicibiblioteca”. No mês seguinte, a bike retorna às mesmas escolas e promove o intercâmbio cultural, quando o aluno poderá doar um livro para a escola vizinha e receber outro livro em troca.

Todos os livros vêm acompanhados de uma ficha de leitura em que a criança indica qual foi seu personagem preferido e pode incluir anotações ou desenhos sobre a obra. Para divulgar o projeto nas escolas serão usados cartazes e faixas, além de um carro de som na hora do recreio para informar as crianças nas escolas e centros comunitários.

O projeto acontece nas escolas participantes e visa ao estímulo da leitura, escrita e interpretação de texto de forma lúdica e divertida (Foto: Divulgação)
O projeto acontece nas escolas participantes e visa ao estímulo da leitura, escrita e interpretação de texto de forma lúdica e divertida (Foto: Divulgação)

Idealizado pela FGM Produções Culturais, o projeto busca democratizar a leitura de uma maneira divertida, diferente e totalmente gratuita, contando com o estímulo que a presença de uma biblioteca em forma de bicicleta traz. Para Fabiana Maugé, diretora da FGM, a BiciBiblioteca não só leva o livro até as crianças estimulando a leitura, mas incentiva também a interpretação de texto e a escrita. “Ao receber um exemplar, o aluno é orientado pelo professor a preencher a ficha que acompanha o livro que será doado no mês seguinte, desta forma, além de fomentar a leitura, incitamos também a escrita que vai além da capacidade de encadear frases bem construídas, sendo uma ferramenta de diálogo e interação social”, explica a diretora. O fichamento é parte essencial do projeto e busca desenvolver a empatia criando um link com o universo dos outros alunos.

Viabilizado com recursos privados obtidos por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), o projeto vai agosto a dezembro e deve impactar cerca de mil alunos entre 6 e 10 anos. A BiciBiblioteca conta com patrocínio da Sapore, empresa brasileira pioneira no segmento de restaurantes corporativos, que acredita na leitura como um direito de todos e como condição necessária para que todo cidadão possa exercer seus direitos fundamentais, viver uma vida digna e contribuir para a construção de uma sociedade mais justa. O projeto conta também com apoio das editoras Callis, Ciranda Cultural e Dash, que doaram livros para a BiciBilioteca.

Bicibiblioteca:
O que é: projeto itinerante de intercâmbio de livros e incentivo à leitura nas escolas
Quando: de 1º de agosto a dezembro de 2017 – uma vez por mês em cada escola

Onde: pátio das escolas participantes

Escolas participantes:
EMEBS Helen Keller – Rua Pedra Azul, 314 – Aclimação (escola municipal de educação especial para surdos).

Centro Social Dona Diva – Rua Marie Nader Calfat, 171 – Jardim Ampliação /Morumbi (obra social do Mosteiro São Geraldo de São Paulo, fundada na década de 60, por Monges Beneditinos Húngaros. É uma associação sem fins lucrativos e de caráter estritamente educacional, cultural e de assistência social).

Centro Social Vila Morse – Rua Áurea Batista dos Santos, 703 – Vila Morse (obra social do Mosteiro São Geraldo de São Paulo, fundada na década de 60, por Monges Beneditinos Húngaros. É uma associação sem fins lucrativos e de caráter estritamente educacional, cultural e de assistência social).

Colégio Augusto Laranja – Al. dos Pamaris, 179 – Moema (escola tradicional no desenvolvimento de projetos socioculturais).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *