/Vereador Rogério Nezinho volta a dizer que administração de Rogério Teófilo é lenta

Vereador Rogério Nezinho volta a dizer que administração de Rogério Teófilo é lenta

O vereador Rogério Nezinho (MDB), ao parabenizar o colega Willomaks da Saúde, que cobrou da administração municipal uma explicação de tantas obras paralisadas em Arapiraca, voltou a classificar a administração do prefeito Rogério Teófilo, como lenta e sem nenhuma ação para o município arapiraquense.

De acordo com Rogério Nezinho, nunca na história de Arapiraca, a cidade passou um ano sem um cronograma de inaugurações durante as comemorações alusivas à Emancipação Política da cidade.

Rogério Nezinho, disse que há dois anos vem cobrando da administração municipal um melhor empenho na máquina administrativa, principalmente com relação as indicações dos vereadores, que quase sempre não são atendidas.

O parlamentar cobrou do Poder Legislativo uma posição quanto as indicações enviadas as secretarias que nunca recebem resposta dos secretários.

“Ele só responde a quem quer. Não dá a mínima atenção as indicações dos vereadores que são feitas em nome da população”, disse o vereador

Ainda de acordo com Rogério Nezinho, o Poder Legislativo não está omisso em suas cobranças à administração municipal, onde cumpre o seu papel que é de fiscalizar em nome da sociedade.

Ele lembrou, que em outras administrações como da ex-prefeita Célia Rocha e Luciano Barbosa, hoje vice-governador, no mês de outubro quando se comemora a Emancipação Política da segunda maior cidade do estado de Alagoas, as obras eram realizadas por todo o município e agora, nenhuma foi realizada.

Rogério Nezinho, também lamentou o número de licitações de obras em Arapiraca, anunciadas pelo prefeito Rogério Teófilo, porém, essas obras nunca aparecem.

O vereador encerrou o seu pronunciamento, falando sobre as demissões dos servidores comissionados, que segundo ele, o próprio prefeito havia falado, que era para acabar com a influência política e que ele estava cuspindo no prato que comeu, ao se referir, que esses políticos a quem o prefeito se refere, mesmo sem citar nomes, foram os responsáveis por sua vitória na eleição de prefeito.

Assessoria