/Ricardo Nezinho garante que Instituto de Criminalística de Arapiraca está próximo de ser construído

Ricardo Nezinho garante que Instituto de Criminalística de Arapiraca está próximo de ser construído

O deputado estadual Ricardo Nezinho (MDB), ao participar na última sexta-feira (23), do programa NN Entrevista da Rádio Novo Nordeste 91,5 FM, falou sobre projetos de lei aprovados na Assembleia Legislativa e sobre sua visão política a respeito da gestão de Arapiraca.

Ricardo Nezinho fez críticas à condução do município: “O prefeito Rogério Teófilo ainda não se encontrou em sua gestão. Muitas obras iniciadas sem conclusão, o que compromete muito o desenvolvimento de Arapiraca. É uma cidade que tem uma dinâmica muito interessante, porque não só se desenvolve como puxa desenvolvimento para as cidades circunvizinhas. Infelizmente, a gente não vê isso na questão do serviço público”, disse ele.

Ele rebateu o slogan “Arapiraca, um canteiro de obras”, que tem sido usado pela gestão municipal.  “Quando você compara com cidades vizinhas, como Craíbas e Coité do Noia, e a gente vê a coisa acontecendo, você não vê [Arapiraca] dessa forma. Digo isso com muita verdade, e não tenho nenhum prazer em dizer isso. Tem o esgotamento sanitário de Arapiraca, que a gente precisa muito, porque uma cidade que não tem esgotamento sanitário, não se desenvolve. Foi uma obra que foi iniciada na outra gestão e ficou faltando pouco para acabar. A UPA também, que tem 30% da construção ainda parada. Então, sinceramente, não vejo este canteiro de obras”, argumentou o deputado.

Questionado sobre os planos de candidatura para 2020, Nezinho alegou não ter ainda planejamento para tal. “É um processo que não depende de uma única pessoa, para uma candidatura. Depende de muitas alianças, depende do partido, depende de um grande conjunto. Ainda falta muito tempo para que se definam essas candidaturas”.

Sobre a necessidade de uma unidade do Instituto de Criminalística em Arapiraca, Ricardo Nezinho alegou que a demanda está encaminhada, apesar do governador Renan Filho ter dito que esta não era uma prioridade para o município. “O governador disse a mim que é uma prioridade sim; disse a mim e a várias outras pessoas. É importante que se faça e que não se espere parcerias, porque essa tentativa de parceria com o município trava muito, como se viu por exemplo a iluminação da AL-220”.

NN1 com redação