/Mineradora Vale Verde e Uneal firmam termo de cooperação

Mineradora Vale Verde e Uneal firmam termo de cooperação

As instituições agora fazem parte de um programa de mútua cooperação

No programa Comando Geral desta quinta-feira (16/05), o Reitor da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), Odilon Máximo, falou sobre o termo de cooperação assinado entre a Uneal e a Mineradora Vale Verde (MVV).

Odilon disse que o protocolo de intenções para criação de um programa de mútua cooperação, tem como objetivo a elaboração de estudos e projetos acadêmicos, científicos e culturais, entre as duas instituições. “São ao todo 14 pontos propostos na parceria firmada entre a instituição de ensino e a mineradora, instalada na zona rural do município de Craíbas”, explicou.

Trilhas ecológicas no Centro de Educação Ambiental da empresa; elaboração de estudos socioeconômicos, de saúde pública, de impacto viário e trânsito para a Mineradora; programa de estágio; palestras, aulas e minicursos ministrados por profissionais da empresa na instituição e pelo corpo docente, para funcionários da mineradora e moradores de comunidades localizadas próximas ao Projeto Serrote; análise química de solos visando ao plantio de mudas; resgaste da flora e da fauna e à educação ambiental.

Odilon destacou que essas são algumas das iniciativas que serão possíveis com a assinatura do termo. “Antes dessa formalização, a MVV vinha recebendo visitas de alunos, professores e dirigentes da universidade. Nosso desejo é aproximar cada vez mais a iniciativa privada da universidade e que os empresários entendam que a Uneal pode ser um lugar de oferta de excelentes serviços acadêmicos, como a produção de conhecimento, de pesquisa de inovação”, finalizou o Reitor.

Odilon Máximo ainda destacou o trabalho do espaço agroalimentar – espaço para estudos do solo e água – e falou sobre o corte de verbas para a Educação, por parte do governo federal, que acaba afetando a Uneal no desenvolvimento através de editais e chamadas abertas.

nn1